CARREGUE AQUI PARA ASSISTIR AO VIDEO DO EVENTO: O PAPEL DO SETOR COOPERATIVO NA CONSTITUIÇÃO PORTUGUESA
CARREGUE AQUI PARA ASSISTIR AO VIDEO DO EVENTO: O PAPEL DO SETOR COOPERATIVO NA CONSTITUIÇÃO PORTUGUESA
CARREGUE AQUI PARA ASSISTIR AO VIDEO DO EVENTO: O PAPEL DO SETOR COOPERATIVO NA CONSTITUIÇÃO PORTUGUESA
CARREGUE AQUI PARA ASSISTIR AO VIDEO DO EVENTO: O PAPEL DO SETOR COOPERATIVO NA CONSTITUIÇÃO PORTUGUESA
CARREGUE AQUI PARA ASSISTIR AO VIDEO DO EVENTO: O PAPEL DO SETOR COOPERATIVO NA CONSTITUIÇÃO PORTUGUESA
CARREGUE AQUI PARA ASSISTIR AO VIDEO DO EVENTO: O PAPEL DO SETOR COOPERATIVO NA CONSTITUIÇÃO PORTUGUESA
CARREGUE AQUI PARA ASSISTIR AO VIDEO DO EVENTO: O PAPEL DO SETOR COOPERATIVO NA CONSTITUIÇÃO PORTUGUESA
CARREGUE AQUI PARA ASSISTIR AO VIDEO DO EVENTO: O PAPEL DO SETOR COOPERATIVO NA CONSTITUIÇÃO PORTUGUESA
CARREGUE AQUI PARA ASSISTIR AO VIDEO DO EVENTO: O PAPEL DO SETOR COOPERATIVO NA CONSTITUIÇÃO PORTUGUESA
CARREGUE AQUI PARA ASSISTIR AO VIDEO DO EVENTO: O PAPEL DO SETOR COOPERATIVO NA CONSTITUIÇÃO PORTUGUESA
CARREGUE AQUI PARA ASSISTIR AO VIDEO DO EVENTO: O PAPEL DO SETOR COOPERATIVO NA CONSTITUIÇÃO PORTUGUESA
CARREGUE AQUI PARA ASSISTIR AO VIDEO DO EVENTO: O PAPEL DO SETOR COOPERATIVO NA CONSTITUIÇÃO PORTUGUESA
CARREGUE AQUI PARA ASSISTIR AO VIDEO DO EVENTO: O PAPEL DO SETOR COOPERATIVO NA CONSTITUIÇÃO PORTUGUESA
CARREGUE AQUI PARA ASSISTIR AO VIDEO DO EVENTO: O PAPEL DO SETOR COOPERATIVO NA CONSTITUIÇÃO PORTUGUESA
CARREGUE AQUI PARA ASSISTIR AO VIDEO DO EVENTO: O PAPEL DO SETOR COOPERATIVO NA CONSTITUIÇÃO PORTUGUESA
CARREGUE AQUI PARA ASSISTIR AO VIDEO DO EVENTO: O PAPEL DO SETOR COOPERATIVO NA CONSTITUIÇÃO PORTUGUESA
CARREGUE AQUI PARA ASSISTIR AO VIDEO DO EVENTO: O PAPEL DO SETOR COOPERATIVO NA CONSTITUIÇÃO PORTUGUESA
CARREGUE AQUI PARA ASSISTIR AO VIDEO DO EVENTO: O PAPEL DO SETOR COOPERATIVO NA CONSTITUIÇÃO PORTUGUESA
CARREGUE AQUI PARA ASSISTIR AO VIDEO DO EVENTO: O PAPEL DO SETOR COOPERATIVO NA CONSTITUIÇÃO PORTUGUESA
CARREGUE AQUI PARA ASSISTIR AO VIDEO DO EVENTO: O PAPEL DO SETOR COOPERATIVO NA CONSTITUIÇÃO PORTUGUESA
Manuela Nina Jorge
PCA da Agrimútuo

Licenciada em Engenharia Agronómica, com a Especialização em Economia Agrária e Sociologia Rural pelo Instituto Superior de Agronomia em 1987, Master of Business Administration (MBA) pela Universidade Nova de Lisboa, em 1990.

Especializada em gestão de empresas e em consultoria é sócia fundadora da AGRO.GES, Sociedade de Estudo e Projectos, Lda.. Desde 2002, desempenha funções de gerente e é directora de estudos e projectos.

Tem trabalhado principalmente na coordenação e elaboração de análise de projectos de investimentos agrícolas e agro-industriais, na análise de políticas rurais a nível sectorial e regional (para Portugal e vários países da União Europeia) e na análise económica, financeira e na reestruturação de empresas.

Foi, entre Novembro de 1995 e Dezembro de 2012, Vice-Presidente do Conselho de Administração da Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Mafra, tendo esta instituição, em 2002, sido agraciada com o 'Prémio de Igualdade é Qualidade' (Comissão para a Igualdade no Trabalho e no Emprego), atribuído pela Presidência do Conselho de Ministros e pelo Ministério da Segurança Social e do Trabalho. É, desde Janeiro de 2013, Presidente do Conselho de Administração.

Associados
EDIFÍCIO SEDE
Largo Cândido dos Reis
19 a 25 - Leiria
conferencias@agrimutuo.pt
244 848 000
PARCEIROS
EDIFÍCIO SEDE
Largo Cândido dos Reis
19 a 25 - Leiria
geral@caixacreditoleiria.pt
244 848 000
ORGANIZAÇÃO
PARCEIROS